Câmara Municipal: Comissões irão analisar entrega de títulos

Política


As comissões permanentes da Câmara Municipal irão receber hoje, segunda-feira, dia 17, as propostas de concessão de três títulos de Cidadão Tupãense e três medalhas  “Luiz de Souza Leão” a personalidades de destaque no município.

Os títulos de Cidadão Tupãense foram propostos aos empresários Joaquim Ignácio, Romildo Ramos Contelli e Antônio Luiz Cavarsan.
A Câmara Municipal propôs a entrega das medalhas “Luiz de Souza Leão” ao policial militar Erivaldo Tenório da Silva Júnior e aos jornalistas Nelson Gonçalves Sant’Ana (editor responsável do DIÁRIO) e Carlos Marques Pereira (editor responsável do jornal Folha do Povo).

Joaquim Ignácio

O empresário Joaquim Ignácio, nascido no dia 23 de julho de 1941 em Pompéia, é fundador do Grupo Visão. Ele foi vereador em Tupã entre os anos de 1983 a 1992, ano em que também foi eleito vice-prefeito na chapa encabeçada pelo então prefeito Jesus Guimarães, cumprindo mandato até o ano de 1996.

Romildo Contelli

Romildo Ramos Contelli nasceu no dia 23 de maio de 1962, na cidade de Quintana. O empresário iniciou o plantio de amendoim no ano de 1979 e, hoje, é proprietário do grupo  Beatrice Peanuts, que emprega mais de 320 pessoas. Desde o ano de 2018, Romildo Contelli e seu irmão Nilson são os maiores exportadores de amendoim do Brasil.

Antônio Cavarsan
O empresário Antônio Luiz Cavarsan nasceu na cidade de Macatuba, no ano de 1949. Chegou em Tupã no ano de 1964, onde começou a trabalhar como aprendiz de relojoeiro. Em 1978, inaugurou a empresa Exata Ótica e Relojoaria. No ano de 1987, inaugurou a empresa  A Moreninha, nome substituído, posteriormente, por Exata Magazine. No ano de 2013, Cavarsan inaugurou a empresa Exata Golden.

Tenório
Erivaldo Tenório da Silva Júnior nasceu em Tupã no dia 14 de julho de 1979. No ano de 2002, se apresentou como soldado na 2ª Cia PM em Tupã. No ano de 2008 fez curso internacional com policiais da Swat de Dallas, nos Estados Unidos. Em 2009 realizou curso de progressão de favelas e o estágio de ações táticas na cidade do Rio de Janeiro, onde também participou do 1º curso de ações antiterrorismo no Brasil.
Por ter contato com policiais do BOPE, Tenório participou no ano de 2010 como figurante especial do filme  Tropa de Elite 2 . No ano de 2012, participou do documentário  The brazilian man in the Swat.
Por quatro vezes, Tenório foi condecorado pela Associação Brasileira das Forças Internacionais de Paz da ONU, recebeu a medalha Cinquentenário da ONU, medalha Jubileu de Prata, entre outros títulos.

Nelson Sant’Ana

O jornalista Nelson Gonçalves Sant’Ana nasceu em Tupã no dia 20 de maio de 1950. Em 16 anos, ele teve uma carreira meteórica. Aos dez anos de idade começou a trabalhar como entregador de jornais; aos 14, começou a escrever notas esportivas; aos 18, assumiu a redação do então Jornal de Tupã; aos 22, obteve registro de jornalista; dos 20 aos 24 anos, se formou em história e geografia na Fafit; e dos 26 aos 30 anos, formou-se em direito nas faculdades Fadap. Aos 26 anos, Nelson Sant’Ana fundou o Jornal Superior, que depois passou a se chamar DIÁRIO, junto com seu irmão Arnaldo Sant’Ana. O jornal completou no dia 23 de fevereiro, deste ano, 43 anos de circulação ininterrupta.

Carlos Pereira

O jornalista Carlos Marques Pereira nasceu na cidade de Limeira no ano de 1949, e se mudou para Tupã no ano de 1960, aos 11 anos de idade.  Nos anos de 1963 e 1964, foi funcionário da Rádio Piratininga e, em 1978, adquiriu o jornal Folha do Povo.

No mês de agosto deste ano, Pereira completará 41 anos no comando da Empresa Jornalística Elo Regional, editora do Jornal Folha do Povo. Entre os anos de 1978 a 2009, foi editor da Tribuna Bastense e, há 27 anos inaugurou a Rádio Cidade de Bastos, em sociedade com o advogado Ademar Pinheiro Sanches.

Arquivamento
A comissão processante emitiu parecer para o arquivamento da denúncia feita pelo empresário Márcio Murini, que solicitou a cassação do mandato, com afastamento, do então prefeito José Ricardo Raymundo (PV). O parecer destaca que em sessão de julgamento realizado no dia 28 de maio, o ex-prefeito teve o mandato cassado por 11 votos favoráveis e 4 contrários. O vice-prefeito Caio Aoqui assumiu a prefeitura no dia 29 de maio, motivo pelo qual a denúncia por suposto crime de responsabilidade, cometido por Raymundo, deverá ser arquivada.

Projeto de lei
Será lido e encaminhado para as comissões o projeto de lei de autoria do vereador Antônio Carlos Meireles (PV), que trata sobre a obrigatoriedade da vedação dos postes metálicos de sinalização viária. A proposta tem por objetivo evitar a entrada e o acúmulo de água nos canos metálicos, impedindo que esses locais se tornem criadouros para o mosquito “Aedes aegypti”.
Comtur

As comissões também irão receber projeto de lei que trata sobre a reestruturação do Comtur (Conselho Municipal de Turismo). O conselho atua na conjugação de esforços entre o poder público e a sociedade civil, de caráter deliberativo, normativo e consultivo, para o assessoramento da municipalidade em questões referentes ao desenvolvimento turístico do município de Tupã. A prefeitura solicitou tramitação com urgência no projeto.

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias

publicidade