BUXIXO

Política


Sincero
‘Operação Enxugar’
As primeiras reuniões preliminares estão programadas para definir uma campanha de impacto, pelas lojas maçônicas de Tupã, visando a redução do número de vereadores na “Caixa Azul”, na próxima legislatura. Primeiro será definido o número de cadeiras ideal, se 9, 11 ou 13. Também será feito um estudo sobre o valor ideal do subsídio, que pode cair em pelo menos 50%.
A ideia é antecipar a discussão, para que seja possível adotar todas as medidas em tempo, valendo para a próxima legislatura. Isso se houver a aprovação da maioria em relação às propostas que deverão ser apresentadas.

Prodett
A lei do Prodett foi aprovada há cerca de dois anos, mas não é aplicada porque depende de um decreto, nomeando os conselheiros. Até hoje, cerca de 15 meses depois, ainda não houve unanimidade com relação ao assunto. Em resumo: ninguém quer ser “conselheiro verde”.

‘Ube es’
Conhecido por ter sido um dos vereadores mais combativos na história do Legislativo tupãense, Luís “Kajuru” de Souza sumiu, deixando de intervir em importantes problemas que a cidade vive. Por outro lado, ele deve mesmo sair candidato a deputado estadual nas eleições de outubro.

Mais recursos
Além de alta nos repasses do IPVA e ICMS, a “Casa Branca” vai receber ainda quase R$ 700 mil este mês do governo federal, como auxílio, juntamente com os demais municípios. Logo, recebe também o IPTU, sendo que boa parte do pagamento é feito à vista, por causa do desconto de 15%. Com isso, por enquanto os cofres estão mais recheados.

Cimetière
Tupã já conta com poucos espaços para sepultamentos em seus cemitérios. A construção de um novo pode demorar ainda um pouco. Mas, deixando isso de lado, vereadores estão corretamente preocupados em criar um cemitério para animais. Não se pode descartar carcaças a céu aberto. Também não se pode enterrar os bichos em qualquer lugar, pois haverá contaminação no solo.
A proposta de se criar um cemitério para animais, apresentada pelo vereador Augusto “Aleluia” Fresneda, na última segunda-feira, deve ser encarada com a devida seriedade. 
Não muito positivo foi o comentário do vereador Osmídio “Galeão Cumbica” Castilho, que indicou que o culto fúnebre do cemitério para animais seja realizado por um pastor alemão ou pastor belga.

Jogo caro
Na última segunda-feira, havia algo mais importante para se fazer que ir à Câmara Municipal. Era dia de jogo do Palmeiras. Alguns assessores, torcedores fanáticos, deixavam a galeria para conferir “minuto a minuto” o placar do jogo. Muitos sentiram a falta do sempre assíduo vereador Tiago “Gumex” Matias, conhecido “porcão”, que não foi à sessão devido a um compromisso previamente agendado. Pagou caro por isso. Pela derrota do seu time e pelo desconto que vai ter no subsídio.

Buzina
Pensando nos trabalhadores que precisam dormir de noite, nos estudantes que se dedicam nas escolas, os idosos nos asilos, os pacientes nos hospitais e outras instituições que funcionam no período noturno, o vereador Osmídio “Galeão Cumbica” Castilho está propondo que os vigilantes noturnos deixem de assoprar seus apitos, para não atrapalhar o sono e o descanso dessas pessoas, em seus leitos, onde se reviram a cada zumbido externo. 
Os guardas noturnos, porém, esperam que o prefeito não acate essa medida, pois caso contrário terão que implantar giroflex com sirenes em suas motos, para marcar suas presenças nas ruas.

Apoio
A cúpula do PSB se reuniu para definir uma eventual saída do governo municipal. Após muita conversa, os vereadores Antônio “Barack Obama” Brito e Valdir “Didi Mocó Sonripésio Colesterol Novalgino Mufmbbo” de Oliveira conseguiram convencer executivos do partido sobre a necessidade de permanência de Renan “Pokemon” Pontelli na Secretaria de Planejamento, neste momento de dificuldades na “Casa Branca”. E assim ficou deliberado e registrado em ata.

‘Pane seca’
Na semana passada, alguns pacientes ficaram irritados com o serviço oferecido pelo transporte da prefeitura. Eles acordaram cedo, se arrumaram, saíram de casa pela manhã e, ao entrar nos veículos de transporte, não puderam sair de Tupã, porque estavam sem combustível. Deu “pane seca” geral. Após alguns telefonemas, a prefeitura conseguiu abastecer os veículos. Faltou talvez planejamento.

Disputa
Conversações de bastidores e pesquisas informais afirmam que Renan “Pokemon” Pontelli será o próximo candidato a prefeito de Tupã. A confirmação ainda é uma incógnita. O partido e grupos políticos da cidade indicam uma eventual candidatura de Pontelli ao Poder Executivo. Mas o atual secretário de Planejamento ainda analisa as propostas. Com seu nome em alta, Charles dos Passos “Largos” também vislumbra uma eventual candidatura. “Estou com você e não abro mão. Mas se você não for sair para prefeito, me avise porque eu pretendo”, disse Charles dos Passos “Largos” em uma reunião informal com o secretário.

Multifunções
O prefeito pretende criar um cemitério, uma área de eventos com sambódromo e o 4º Distrito Industrial no terreno de dez alqueires, localizado ao lado do CTA da Camap. 
Muitos estão procurando ainda entender como será viabilizado esse projeto, em que se junta três propostas tão antagônicas. Isso tudo tendo ao lado ainda a pista de aeromodelismo.

Perguntas que esperam respostas
- De quanto poderá ser a devolução pela não realização das obras de macrodrenagem? Quem vai pagar a conta?
- Será que a oposição está preparando um candidato a prefeito para 2020?
- Será que os projetos do DADE vão sair do papel?
- Por que Tupã foi pouco contemplada com recursos estaduais?
- Será que o “Índio da Taba” mudou de aldeia?

Frase da semana
“Fala que é de Tupã mas...”
(Nova mania no “Face”)

Sua notícia

Esta área é destinada para o leitor enviar as suas notícias e para que possamos inserí-las em nosso portal. Afim, da população ter informações precisas e atualizadas sobre os mais variados assunto

Envie a sua notícia por e-mail:

Todas as notícias